Mostrar 487 resultados

Descrição arquivística
Irmandade do Santíssimo Sacramento da Igreja de Nossa Senhora da Encarnação
Previsualizar a impressão Ver:

Inventário de todas as alfaias, que pertencem à Irmandade do Santíssimo Sacramento da Paroquial Igreja de Nossa Senhora da Encarnação. Onde existem e a cargo de quem estão

A informação encontra-se organizada por localização - sala ou corredor, armários e prateleiras, indicando: quantidade, descrição dos paramentos ou alfaias, características, cores e observações (ex.: falta, usado, novo, para acompanhar o Santíssimo, no trono, no cemitério, com guarnição de ouro fino, etc.). Apresenta descrição dos objectos a cargo do irmão procurador da Mesa, do fabriqueiro, do tesoureiro, do andador e do escrivão da Mesa e localizados na Casa dos Armários, na Casa da Cera, no corredor, Casa da Fábrica e na Igreja. Possui uma anotação na primeira folha: “Em 22 de Fever.º de 1830 tomei posse do cargo de Procurador da Mesa da Irmand.e do SS. Sacram.to da Freg.ª de N. S. da Encarnação e nesto caderno estão assentes todas as Alfaias pertencentes a d.ª Irmand.e com as faltas q apontei nos seus competentes lugares”. Não possui termos de abertura e de encerramento. Consultar também Cartório - Diferentes objectos, Maço 1, n.º 23 (ref.ª PT-INSE-ISSIE/CT/04-01).

Propriedades

Abarca os diversos conjuntos documentais relativos à gestão dos prédios que constituíam propriedade da Irmandade ou eram por ela administrados, respectivos arrendamentos e inquilinos, compreendendo as séries de livros de contas correntes das propriedades (1802-1833), termos de arrendamento das casas (1806), rendimentos das propriedades (1812-1817), registo de inquilinos (1915-1938), processos de inquilinos (1952-1996), documentos relativos à posse, compra e venda de propriedades (1865-1937), e ao pagamento de impostos relativos às propriedades (1938-1996), documentos referentes aos seguros das propriedades em diversas companhias de seguros (1839-2002), a série de livros de controlo do pagamento de rendas, impostos e comparticipação de electricidade pelos inquilinos da Irmandade (1938-1946), orçamentos de obras e reparações (1943-1993) e de estudos e projectos de remodelações (1866-1999).

Inquilinos

Processos de correspondência com inquilinos das propriedades da Irmandade do Santíssimo Sacramento: Henrique Manuel Serra Lopes (1993), Rosa Adelino, L.da (1952-1958), José Pimenta e Laurinda Duarte da Costa (1958-1996), José Fernandes Martins e esposa (1979-1980), José Maria da Silva (1952), Ventura Ledesma Abrantes (1950 e 1969), António Gonçalves Calçada (1991-1996) e António Costa (1955-1994).

Pública-forma da Carta Régia de 2 de Maio de 1865

Pública-forma da Carta Régia de 2 de Maio de 1865, passada em virtude do Decreto de 28 de Março do dito ano, pelo qual a Irmandade do Santíssimo Sacramento da Paroquial Igreja de Nossa Senhora da Encarnação, foi autorizada a vender duas propriedades de casas situadas na Rua da Atalaia números 13 a 25, e outra na Rua da Cruz números 79 e 81.

Propriedades

Diversos documentos refentes às propriedades de casas da Irmandade do Santíssimo Sacramento: 1) Certidão do auto de arrematação em hasta pública do prédio que foi da Real Irmandade do Santíssimo Sacramento da Freguesia da Encarnação pela firma Mariano Irmãos em 1886-10-21, referindo-se à propriedade contígua à Igreja de Nossa Senhora da Encarnação, ficando o arrematante obrigado a manter a serventia para a Sacristia e oficinas da Igreja pela porta do prédio arrematado (1887-02-04 - 1887-03-17). 2) Certidão da Sentença dos Autos Cíveis em que são autores António Mariano Goulart, sua mulher e outro sócio da firma Mariano & Irmãos e ré a Irmandade do Santíssimo Sacramento da Freguesia da Encarnação (1892-06-21). 3) Cópia do Acórdão proferido nos Autos Cíveis em que foram partes, António Mariano Goulart & Irmãos e a Irmandade do Santíssimo Sacramento da Freguesia da Encarnação (1893-08-23). 4) dois rascunhos de uma escritura pública amigável entre a Irmandade e a firma Mariano & Irmãos (sem data). 5) Certidão do recurso dos Autos Cíveis em que são autores António Mariano Goulart e outros e ré a Irmandade do Santíssimo Sacramento (1895-04-13).

Livro para registo de rendas, impostos e comparticipação de electricidade pelos inquilinos da Irmandade do Santíssimo Sacramento da Freguesia de Nossa Senhora da Encarnação

Registo do pagamento de rendas, impostos e comparticipação de electricidade pelos inquilinos da Irmandade, organizados cronologicamente e por inquilino. Contém a seguinte informação: nome do inquilino e morada no topo da folha; no lado esquerdo da folha apresenta os pagamentos a realizar pelos inquilinos, indicando a data (ano, mês e dia), a renda e o período a que diz respeito e o valor; e, nas colunas do lado direito da folha, a data (ano, mês e dia), a renda recebida e a que período respeita, referenciando o número de documento de receita e a folha do livro em que se acha registado, e o valor recebido. Por baixo da linha do pagamento da renda tem também a comparticipação da electricidade ou imposto pago pelo inquilino, indicando também as referências ao livro onde foi feito o registo da receita. No final da folha tem a referência da folha onde continua o registo do pagamento do mesmo inquilino.

Livro para registo de rendas, impostos e comparticipação de electricidade pelos inquilinos da Irmandade do Santíssimo Sacramento da Freguesia de Nossa Senhora da Encarnação

Registo do pagamento de rendas, impostos e comparticipação de electricidade pelos inquilinos da Irmandade, organizados cronologicamente e por inquilino. O livro é sequência do anterior, continuando os registos dos inquilinos já iniciados no livro antecedente, completando cronologicamente os registos até Março de 1946. O livro possui registos até f. 154. Contém a seguinte informação: nome do inquilino e morada, no topo da folha; na folha do lado esquerdo apresenta os pagamentos a realizar pelos inquilinos, indicando a data (ano, mês e dia), a renda e o período a que diz respeito e o valor; e, nas colunas do lado direito da folha a data (ano, mês e dia), a renda recebida e a que período respeita, referenciando o número de documento de receita e a folha do livro em que se acha registado, e o valor recebido. Por baixo da linha do pagamento da renda tem também a comparticipação da electricidade ou imposto pago pelo inquilino, indicando também as referências ao livro onde foi feito o registo da receita. No final da folha tem a referência da folha onde continua o registo do pagamento do mesmo inquilino.

Resultados 31 a 40 de 487