Mostrar 36576 resultados

Descrição arquivística
Previsualizar a impressão Ver:

1124 resultados com objetos digitais Mostrar resultados com objetos digitais

Copiador

O teor de alguma da correspondência trocada com as autoridades administrativas é relativa a contas e orçamentos, pelo que neste livro encontram-se contas de receita e despesa relativas aos anos económicos de 1849- 1850, 1850-1851, 1851-1852, 1852-1853, 1853-1854 (fls. 78v. a 83), 1859-1860 (fls. 94-94v.) e 1860-1861 (fls. 97v. a 98).
Conforme o cap. 16, § 6.º, fl. 45, dos Estatutos de 1782, o Secretário deveria redigir um livro «(...) das Memorias Estoricas da irmandade, [onde] escreverá os cazos, e funsoens memoraveis, que por qualquer principio respeitem á Irmandade (...)». Embora não tenhamos comprovativo de que se trata do presente livro, esta serve claramente o propósito de registar momentos importantes da vida da Irmandade, tal como referido no fl. 11: «(...) de que fiz este que assignou o dito Senhor Prezidente comigo Secretario no Livro Copiador, e registro para memoria do futuro (...)». Entre estas notícias encontram-se referências da chegada do sino dedicado à Assunção de Nossa senhora; a notícia do que se executou para aprovação e publicação dos novos estatutos em 1767; a lembrança de protestos realizados por Irmãos; notícias relacionadas o Bispo do Porto, tal como a sua eleição, chegada à cidade e falecimento; festejos do nascimento da Infanta Dona Maria Ana Vitória de Bragança, entre outras.
Este livro contém termo de abertura (fl. 1) e termo de encerramento (fl. 248v.).

Obras 1749

A fl. 1 encontra-se um inventário de ferramentas encomendadas em Janeiro de 1759, para a realização de obras.
Esta fonte contém termo de encerramento (fl. 197v.).

Caixa geral 1760

A partir do ano de 1767 para 1768 o registo da conta geral de receita e despesa passa a estar organizado por «Deve» e «Haver». Apresenta a aprovação de contas pela Mesa Irmandade.
Com termo de abertura no fólio [1] e termo de encerramento no fólio 138.

Sentença Cível de Formal de Partilhas das Executantes Thereza da Crus, e Anna Maria contra os executados o Prezidente e Deputados da Meza da Irmandade dos Clerigos pobres

Certidão da Sentença cível de formal de partilhas, termo de paga e quitação dada pelas executantes Teresa da Cruz e Ana Maria à Irmandade; treslado de uma Procuração passada pelas mesmas ao Dr. Francisco Seixas da Veiga.

[Órgão]

Parte instrumental do Órgão do Gradual. Divide-se nos seguintes andamentos: “Allelluia” (Justo); Verso Duo para 2 sopranos “Dominus dixit ad me” (Andante). Neste documento há uma nova partitura colada sobre o documento original.

Missas da Irmandade dos Clerigos para a Mizericordia

Livro do rol das missas celebradas na Santa Casa da Misericórdia do Porto, pelas almas dos Irmãos falecidos da Irmandade dos Clérigos do Porto.
Esta fonte contém os róis de missas por sete Irmãos dos Clérigos do Porto, com as respectivas certidões passadas por António Pinheiro da Fonseca, Sacristão-Mor da Santa Casa da Misericórdia do Porto. O último rol de missas encontra-se incompleto, pois apenas existem registos até à missa n.º 135 e não contém certidão do Sacristão-Mor.
A fl. 1v. encontra-se um termo explicativo da forma como as missas devem ser aplicadas, juntamente com a cópia do § 1.º, capítulo 8.º dos Estatutos da Irmandade dos Clérigos do Porto. Este termo foi redigido pelo Secretário da Irmandade, João Vieira Gomes de Carvalho, em 17 de Dezembro de 1802.
Esta fonte contém termo de abertura (fl. 1) e termo de encerramento (fl. 18v.).

[Certidões de Missas 1884 a 1892]

Entre as certidões de missas, encontram-se alguns documentos de natureza distinta, tal como recibos (ex.: dois recibos do Estabelecimento e Fábrica de Paramenteiro Júlio Rodrigues Machado, de 1890-02-24; um recibo da Oficina Carpinteiro Francisco José Aires, de 1890-06-17); um convite para participar na comissão executiva da grande subscrição nacional a favor da defesa do país (datado de 1890-08-10); cópia do assento de óbito de Luís de Castro Guimarães, da freguesia de Santa Justa de Lisboa (datado de 1881-06-28) e um requerimento de José Maria Coelho, para ocupar uma cadeira vaga no Coro da Irmandade dos Clérigos (datado de 1897-01-02).
Este maço contém igualmente documentação relativa ao legado de José Barbosa de Albuquerque, que instituiu uma quantia anual a distribuir à freguesia de Santa Maria de Oliveira, concelho de Mesão Frio, da qual era Abade. Esta documentação é constituída por declarações do pároco da referida freguesia em como recebeu da parte da Irmandade dos Clérigos a quantia prevista, através do seu procurador na cidade do Porto. Estas declarações são relativas às seguintes datas: 1867-07-01, 1868-08-15, 1871-09-18, 1872-07-11, 1872-07-17, 1888-07-17, 1891- 07-15 e 1892-07-27.

Tiple

Parte vocal do Tiple (Soprano) Solo das Paixões de Domingo de Ramos [1-14] fls., e de Sexta-feira Santa [15-23] fls., de compositor anónimo.

Orgão para os Cheios Só

Parte instrumental do Órgão "para os Cheios Só" das Matinas de Natal. Divide-se nos seguintes andamentos: Invitatório "Christus natu est nobis" (Largo e Allegro); Hino Jesu Redemptor; 1º Nocturno - Responsório 1º "Hodie nobis" (Moderato), "Gaudet exercitus angelorum" (Presto e Presto), Verso Duo "Gloria Patri" (TACET); Responsório 2º Verso Duo "Hodie illuxit nobis" (TACET), "Hodie per to tum mundum" (Non tanto allegro), Responsório 3º Verso Duo "Que vidistis Pastores" (TACET), "Dicite annuntiate nobis" (TACET), Pastorela "Natum vidimus" (Moderato non Allegro), Verso Duo "Dicite" (TACET), "Quid non vidistis" (TACET), "Dicite" (TACET), "Quid na vidistis" (TACET), "Et annuntiate" (TACET), "Natum vidimis" (TACET), “Dicite Pastores" (TACET), Pastorella "Natum vidimus" (Moderato); 2º Nocturno - Responsório 4º "Ó Magnum" (Moderato), "Ja centem presepio" (Piu tosto Adagio), "Beata virgo" (Allegro), "Ave Maria" (Allegro); Responsório 5º Verso Solo "Beata qua credidit" (TACET), Pastorella "Hodie genuit Salvato" (Poco Allegro); Responsório 6º "Sancta et inmaculata" (TACET), "Quia quam" (Fugatto), "Gloria Patri" (TACET); 3º Nocturno - Responsório 7º Verso Duo "Beata viscera" (TACET), Pastorella"Qui hodie" (Larghetto), Verso Duo "Dies Sanctificatus" (TACET), "Qui hodie" (TACET); Responsório 8º Pastorella "Verbum caro factum" (Larghetto), "Et vidimus gloriam" (Allegro), Verso Duo "Gloria Patri" (TACET), Pastorella "Et vidimus" (Allegro).

Resultados 31 a 40 de 36576