Mostrar 274 resultados

Descrição arquivística
03. Irmandade de Nossa Senhora da Oliveira Documento simples Português
Previsualizar a impressão Ver:

Atestado

Atestado de aprendizagem do ofício de aprendiz de confeiteiro a Esterro Gracia, filho de Tomás Gracia e Inês Rosa.

Atestado

Atestado de aprendizagem do ofício de aprendiz de confeiteiro a Tomás de Aquino Seabra Antunes, filho de José Severino Antunes e Ana Joaquina Vitória.

Atestado

Atestado de aprendizagem do ofício de aprendiz de confeiteiro a Teodoro José Roiz de Figueiredo, filho de José Roiz de Figueiredo e Leonarda das Mercês.

Avaliação

Três exemplares de uma avaliação da Capela de Nossa Senhora da Oliveira, atendendo ao valor dos terrenos, segundo os seguintes critérios: preços "locais, preços dos materiais de construção, e à elevação dos jornais do pessoal operário".

Avaliação

Avaliação de Joaquim Pereira Caroço, mestre e medidor do ofício de pedreiro, do cano mandado fazer pela irmandade no meio da Travessa de São Julião.

Carta de aviso

Ofício do escrivão do povo José Gomes Claro dirigido aos juízes da bandeira de Nossa Senhora da Oliveira, por ordem do juiz do povo Domingos Vicente Conde, a remeter uma cópia do "anúncio da subscrição voluntária para o resgate dos cativos portugueses em Argel", dizendo que é dever dos juízes de Bandeira de Nossa Senhora da Oliveira difundir este anúncio de modo a que se cumpra no prazo de oito dias, encarregando os juízes das respetivas diligências.

Carta de aviso

Ofício remetido aos juízes da bandeira de Nossa Senhora da Oliveira pelo escrivão José Gomes Claro por ordem do juiz do povo Domingos Vicente Conde, apresentando o balanço das despesas.

Carta de penhora

Carta de penhora a favor do juiz e irmãos da Irmandade de Nossa Senhora da Oliveira contra os herdeiros do capitão mor Manuel Dias de Carvalho.

Catálogo dos documentos pertencentes ao Cartório da Irmandade de Nossa Senhora da Oliveira no ano de 1872

O catálogo encontra-se organizado nas seguintes secções: "Escrituras de 1762 a 1805", "Sentenças" de 1624 a 1833 e "Documentos diversos" de 1625 a 1858. Os documentos surgem em ordem cronológica em cada secção. A organização das secções, acompanha a ordem dos maços, numerados de 2 a 11 no catálogo. No catálogo, constam as seguintes informações: o ano do documento, a espécie em que se enquadra (escritura, sentença, aprovação, requerimento, recibo, conserto, relação, titulo, certidão, carta provisão, avaliação, obrigação, mandato, conta, pauta, intimação, etc.), assunto, número do documento de a 1 a 514.

Resultados 1 a 10 de 274