Mostrar 8 resultados

Descrição arquivística
Irmandade do Santíssimo Sacramento da Igreja de Nossa Senhora da Encarnação Subsérie Português
Previsualizar a impressão Ver:

Despesa da Irmandade

A série documental anterior designada por Receita e despesa da Irmandade (com a ref.ª PT-INSE-ISSIE/GF/03), subdivide-se, a partir de 1763, em dois subconjuntos documentais distintos: os livros de Receita da Irmandade (ver série com a ref.ª PT-INSE-ISSIE/GF/03/01) e os livros de Despesa da Irmandade. A presente subsérie documental é constituída por oito livros com registos da despesa da Irmandade, que continuam cronologicamente os da série anterior de Receita e Despesa e em relação aos quais são semelhantes, em organização e conteúdo. Alguns dos livros que constituem esta série abarcam mais do que um ano económico, como resultado do mesmo tesoureiro permanecer no cargo durante vários anos consecutivos. Inclui também, no final dos averbamentos da despesa, um resumo da mesma, a revisão das contas pelos irmãos contadores, o termo de encerramento das contas e termo de entrega das contas no final de cada ano económico ou quando existe mudança de Tesoureiro. Apenas os livros um e oito possuem índice, diferenciando as despesas como pertencentes à conta da Irmandade ou à conta de uma das testamentarias, sendo que, se forem da conta da Irmandade indicam apenas o fólio e, no caso de pertencerem a uma testamentaria, indicam o livro e fólio respectivo (Ver série com a ref.ª PT-INSE-ISSIE/GF/03/03, relativa à administração dos rendimentos legados pelos benfeitores). Os índices estão organizados por tipo de despesa, apresentando, da esquerda para a direita: o valor, a descrição da despesa e o(s)fólio(s) do livro em que se localiza o averbamento respectivo.

Administração de capelas e outros legados pios

Série documental constituída por dezanove livros e um caderno relativos à administração dos bens de testadores legados à Irmandade, em contrapartida do cumprimento de diversos encargos, como a celebração de missas, dotação de órfãs ou atribuição de esmolas a pobres. Estes livros dizem respeito aos legados da Condessa de Pontével, D. Elvira Maria de Vilhena; Marcos da Silva e sua esposa, Maria da Conceição; Filipe de Santiago Ribeiro; Maria Bárbara e seu marido Francisco de Sequeira; Luís Salinas de Oliveira e seu irmão Paulo de Bem Salinas; Maria Nunes da Silva; D. Antónia Francisca de Mendonça e João Rebelo de Campos; Padre Manuel de Sousa Caldeira; Estevão da Silva; Padre Pascoal da Costa; Nicolau Pereira; Domingos Lopes Coelho e sua esposa, Joana Maria da Silva; Francisco Ramos de Miranda e Teresa de Jesus Aurélia.

Receita da Irmandade

A série documental anterior, designada por Receita e despesa da Irmandade (com a ref.ª PT-INSE-ISSIE/GF/03), subdivide-se, a partir de 1763, em dois subconjuntos documentais distintos: os livros de Receita da Irmandade e os livros de Despesa da Irmandade (ver série com a ref.ª PT-INSE-ISSIE/GF/03/02). A presente subsérie documental é constituída por dez livros com registos da receita da Irmandade, que continuam cronologicamente os da série anterior e em relação aos quais são semelhantes, em organização e conteúdo. Alguns dos livros desta série abarcam mais do que um ano económico, como resultado do mesmo tesoureiro permanecer no cargo durante vários anos consecutivos. Inclui também, no final dos averbamentos da receita, um resumo da mesma receita, a revisão das contas pelos irmãos contadores, o termo de encerramento das contas e termo de entrega das contas, no final de cada ano económico ou quando existe mudança de Tesoureiro. Apenas os livros 01 e 09 possuem índice.

Despesa de obras

Série constituída por dois livros com a descrição das despesas efectuadas com a reconstrução da Igreja, desde o desentulho da antiga Igreja, arruinada pelo Terramoto de 1755 e incêndios que se seguiram, até à sua reedificação total. Existe um livro de despesas com as obras de reedificação da Igreja, referente ao período entre 1790 e 1803, nos livros particulares do Tesoureiro Colffs (ver livro ref.ª PT-INSE-ISSIE/GF/TC/03-01).